Maggots Motherfuckers ↓

Translate/Tradutor

Visualizações do blog:

18 de nov de 2010

Qualidade do som do Slip

Em 1º lugar, acho que a qualidade do som do Slipknot é muito boa, até porque os caras da banda são os melhores no que fazem. O equipamento da banda é de 1ª linha, e isso junto com a técnica e a habilidade dos integrantes resulta em um som foda pra caraio que enlouqueçe os fãs em qualquer show que eles façam em qualquer parte do mundo. Bom, o Mick e o Jim arregaçam na guitarra e um exemplo disso são os solos que eles fazem em músicas como "Psychosocial", "Dead Memories", "Gematria" e "Welcome". Solos que por sinal mostram todo o conteúdo e habilidade do Slipknot, que lógicamente transborda, isso sem falar nas distorções que esses malucos fazem, porque tem umas (distorções) em que eu fico imaginando como eles fazem aquilo, não entendo como conseguem, mas conseguem e isso o que importa.

Outro aspecto muito importante da banda é o baterista que esbanja talento, velocidade e técnica. Joey acompanha muito bem o ritmo da banda... pois cá entre nós, tocar bateria numa banda categórica e exigente como o Slipknot não deve ser nada fácil, isso além da pressão envolvida sobre o baterista, já que ele é um dos principais instrumentistas, e se ele erra, o resto segue o erro, mas como eu já disse, Joey consegue lidar muito bem com isso.

Corey Taylor, esse cara é que mostra toda a agressivade da banda, porque com aquele gutural do capeta não tem como não ver a banda como uma banda 'de peso' em termos musicais. Até hoje, não entendo e não consigo pensar em como ele faz aquela voz incrivelmente gritante e do demonio, porque é o que pareçe: a voz do demonio, e talvez ele seja mas só em termos vocais. Mas enfim, o cara é perfeito, tanto para o Slipknot quanto para o Stone Sour, pois Corey combina o gutural com a voz melódica do Stone Sour, o que acaba se encaixando perfeitamente nessas duas bandas (Slipknot & Stone Sour). Quanto à parte do baixo no Slip foi uma parte muito bem complementada pelo Paul, uma parte que hoje em dia não existe mais devido ao seu falecimento, o que acabou deixando os maggots muito afiltos em relação ao futuro da banda, pois há boatos por ai de que o Slipknot iria acabar, porém também há versões de Joey, baterista da banda dizendo que a banda faria ao menos mais um álbum, versão que depois foi desmentida pelos próprios integrantes no twitter oficial da banda. Embora o som do baixo ficasse muito 'escondido' devido aos outros instrumentos, foi muito bem executado. Paul Gray, além de ótimo baixista teve um papel fundamental na banda: foi ele que fundou a banda, juntamente com Andrews (ex-vocalista do Slipknot), e também uniu os caras que posteriormente formariam o Slipknot.

Sid Wilson também faz um papel importante, pois 'preenche' e 'complementa' as músicas, dando a elas um tom mais moderno e eletrônico, tendo em vista que ele é o dj do Slipknot. Ele utiliza seu equipamento muito bem abordando as músicas de uma forma diferente, além disso é o mais insano nos shows, e já tem uma coleção de ferimentos e hematomas ganhos devido a essa sua 'insanidade'. Sid alega sofrer de Sindrome Organica do Cérebro, doença que faz com que seus portadores odeiem a todos sem motivo algum.

A percussão e backing vocals do Slip ficam responsáveis por Chris Fehn e Shawn Crahan. Chris é o backing vocal principal além de fazer percusssão muito bem. Ambos percussionistas e vocais de apoio fazem um um trabalho de qualidade, principalmente em apoiar Corey nas canções. Com certeza fazem a diferença na banda e dão um 'toque a mais' nas músicas. E por último Craig Jones que tem um papel relativamente pequeno na banda, e que infelizmente é muito pouco valorizado. Craig é o tecladista e sampler do Slipknot e tem como principal retirar áudios de filmes e aplicá-los de forma adequada as músicas. Além disso, Craig é o responsável por alguns equipamentos da banda, tais como pedaleiras dos guitarrisas (Mick e Jim), nos shows Jones apenas toca teclado, pois seu trabalho de sampler já foi gravado e aplicado à melodia das musicas.


Enfim, não só acho como tenho certeza de que o Slipknot é uma banda de muita qualidade, tanto vocal como instrumental o que acaba tornando as músicas tão boas.
A habilidade dos integrantes é tamanha, que a maioria não consegue compreender como algumas coisas são feitas nas músicas, como por exemplo os solos e as distorções na guitarra, resumidamente a habilidade é maior que a compreensão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Digite o seu comentário sobre a postagem acima e em seguida clique em "Publicar". #Palavrões são liberados.