Maggots Motherfuckers ↓

Translate/Tradutor

Visualizações do blog:

28 de dez de 2010

Dead Memories - Remake

Estava eu no dia 28 de Dezembro fazendo a divulgação do meu blog nas várias comunidades existentes do Slipknot no Orkut, até que em uma delas eu encontrei um tópico criado um por um sujeito chamado Marcelo que havia postado um link, que segundo ele era um vídeo feito por ele do remake, ou seja, uma refilmagem do clipe "Dead Memories" então, mais uma vez motivado pela curiosidade cliquei nesse tal link, até que começou e para a minha surpresa era mesmo um remake. Logo de cara, aparecia esse tal Marcelo carregando uma enxada no ombro, igual à Corey Taylor no começo de "Dead Memories" então continuei assistindo ao vídeo, e fui me dando conta de que o que eu estava vendo nessa refilmegem, era exatamente igual ao clipe oficial do Slipknot, porém em uma versão muito mais humilde e 'pobre', mas mesmo assim, achei o remake muito bom.

Agora que você, caro leitor já leu toda essa postagem, aposto que ficou bem curioso pra ver o tal vídeo, então já que hoje eu estou de bom humor, vou postar o remake para matar a sua curiosidade, então curte aí:

25 de dez de 2010

Slipknot confirmado no Rock In Rio 2011!


O nosso eterno Slipknot finalmente está confirmado para o Rock In Rio 2011 e vai tocar na noite do Metallica. Já haviam surgido boatos de que o Slipknot seria presença confirmada no Rock In Rio, porém eram só boatos até que na semana passada a assessoria da banda finalmente confirmou que o Slipknot se apresentaria no RIR 2011 o que levou os fãs Maggots a loucura no mundo todo. Twitter, Orkut, Facebook e outras redes de relacionamento foram tomadas por tal noticia, o que até acabou congestionando o site do Rock In Rio. A página ficou sobrecarregada e até foram necessárias manutenções no sistema do site, causada por tamanha euforia dos fãs.

Além de ser presença confirmada no Rock In Rio 2011, o Slipknot vai tocar na 3ª noite, ao lado da banda Metallica o que reforçou ainda mais a histeria dos fãs de ambas as bandas, então o que eu posso afirmar com certeza é que o RIR 2011 promete! Corey Taylor ainda deu a seguinte declaração no seu Twitter: "Estamos anciosos para tocar no Brasil. A galera é muito positiva e energética! Adoramos o Brasil!".

Agora o jeito é esperar o dia 25.09.11, dia da apresentação do Slipknot. Por enquanto não se sabe se o show terá transmissão ao vivo, porém para quem estiver lá, será inesquecível!

  

24 de dez de 2010

Baterista muito loko! O.O

Putz, navegando na Internet já vi muita coisa impressionante, bizarra, curiosa, muita coisa louca. Costumo ver no Youtube vídeos de bateristas praticando a sua arte, mas nesse caso estava eu no blog do Harry Porco, até que achei um vídeo no qual apareçe um guitarrista e um batera de alguma banda não especificada no blog nem no vídeo, mas até aí seria um vídeo bastante comum, o que não se era de esperar era que o baterista praticamente 'baixasse o santo' no meio do show, porque do nada o cara fico muito loko, toco bateria de um jeito que eu nunca tinha visto antes. Bom, nem consigo explicar de tão estranho que é, então o jeito, é mais uma vez você dar uma olhada no vídeo:

23 de dez de 2010

Corey Taylor fazendo o seu pedido ao Papai Noel

Puta que pariu, essa eu tive que rir! Estava eu exatamente a 1:13 da madrugada no Orkut na comunidade 'Slipknot Brasil' e me deparei com um tópico dizendo que o Corey taylor havia feito um pedido ao Papai Noel, então na mesma hora, por pura curiosidade cliquei para ver o que era, e então abriu uma imagem do Corey postando em seu twitter a seguinte mensagem: "Dear Santa: Since this in the season for giving, please give Kate Perry gingivitis. Love and Bullets, Corey. Ps: I want a pony." Traduzindo a declaração dele ficaria: "Querido Papai Noel: uma vez que esta é a estação para dar, dê a Katy Perry gengivite. Amor e Balas, Corey. Ps: Eu quero um pônei."
Porra, essa daí foi foda. O nosso grande e inigualável Corey Taylor, o mestre do gutural do demônio fazendo pedido pro Papai Noel? Essa fez os butiá cair do bolso, mas tudo bem... cada um cada um. Só Corey, nós te pedimos encaricidamente: não nos decepcione novamente!

13 de dez de 2010

Falso boato sobre o Clown

Tá rolando faz tempo na internet um vídeo em que o Clown supostamente apareçe dando um "tiro" de calibre 12 em um fã num show, provocando a sua morte, mas isso na verdade é tudo mentira. Shawn Clown realmente apareçe no tal vídeo portando um objeto estranho nas mãos, o que dizem por aí que seria a tal 'arma', mas na verdade o objeto não passa do taco de beisebol que Clown geralmente leva aos shows nas apresentações, o que a mídia maldosa considerou como uma 'arma' e que ainda teria matado um fã. Pqp, que vontade de matar o puto que inventou isso, e para provar a minha versão, confira abaixo o tal vídeo e veja com seus próprios olhos que é um taco de beisebol, e não uma arma, como alguns supõem:

 

Significado do nome "Slipknot"

No lugar onde surgiu o Slipknot, chamado "Iowa", uma cidade de um estado americano, onde naquela época de 1995, haviam muitos matadouros de porcos e outros animais. Para matar esse animais os abatedores usavam um tipo de nó com o nome de "Slipknot" em que prendiam as pernas do animal de forma que ele ficasse de cabeça para baixo, então na formação da banda, o antigo vocalista Anders, sugeriu o nome de "Slipknot", pois era uma coisa bem semelhante ao sentimento que a banda procurava naquela época, e daí então surgiu o nome "Slipknot".

"Slipknot = Nó usado para abater animais".

12 de dez de 2010

Significados das músicas do Slipknot

742617000027
Esta música abre o "Slipknot", não podia ter um início melhor, "the whole thing i think is sic", é a única letra e servia para descrever todo o albúm, completamente Sic. Embora haja quem pense que a voz é do Corey a voz foi tirada de um documentário sobre Charles Manson.

Eyeless
Quando o Slipknot foi a Nova York encontrou um mendigo que andava de um lado para o outro a gritar "You can't see California without Marlon Brando's eyes!", essa foi a inspiração para a letra. Fala também do pai do Corey na frase "I am father's son, cause he's a phantom, a mystery, and that leaves me nothing!", o pai do Corey desapareceu antes de ele nascer, nunca o conheceu. Já agora como curiosidade o Corey quando era puto viveu em quase 25 estados diferentes antes de fazer 11 anos, por causa disso e pela falta de confiança que ele tinha criou alguns distúrbios mentais, um deles era andar pela rua a cruzar os pés fazendo oitos, e se ele se enganasse voltava para trás e fazia tudo de novo! Outra curiosidade, a "That's all in your head" até onde eu sei é sobre o Corey ter feito um programa de desintoxicação por drogas e lhe repetirem esta frase constantemente, ele achava porque não era aquilo que ele precisava para conseguir se livrar das drogas. Acho que a música é sobre as inseguranças dele.

(sic)
O termo (sic) usado na música é algo que os escritores e compositores usam quando escrevem algo que sabem que está errado mas eles vão escreve-lo de qualquer forma. Acho que a letra fala por si.

Spit It Out
A história desta música é sobre um estação de rádio em Des Moines que enquanto a banda não tinha popularidade recusava-se a passar as músicas deles, anos depois o Slipknot fazia parte das bandas regularmente tocadas nessa mesma rádio.

Wait And Bleed
É sobre um cara que tem repetitivos pesadelos dele mesmo deitado numa banheira cheia de sangue com seus pulsos cortados... e um dia ele acorda e vê que não era um sonho e sim a realidade, mas ele não quer acreditar, então ele tenta dormir de novo e acordar normalmente, mas basicamente, ele "espera e sangra".

Surfacing
Essa música tem um significado muito evidente: não se foda com nada, nem se deixem julgar por ninguém, já que tem esse direito, não temos de provar nada a ninguém, nem justificar aquilo que somos. Sigam a nossa vontade, façam o que nos passa pela cabeça sem terem receio porque isso é que vale alguma coisa, a vida é demasiadamente curta e medrosa para vocês perderem tempo com os outros e com o que eles acreditam, dizem de vocês, fodam-se eles todos! Como o Corey costuma dizer este é o nosso "new national anthem." (novo hino nacional). "Fuck it all, fuck this world, fuck everything that you stand for, don't belong, don't exist, don't give a shit, don't ever judge me!", acho que reflete muito bem o que todos sentimos e o que eles nos querem dizer.

Purity
A letra foi escrita quando Corey viu em um site, uma garota com 20 anos de nome Adrianne Purity Knight, que foi supostamente raptada pelo ex-namorado ou por algum homem que criou uma obesessão por ela. Ela foi enterrada viva e acabou por morrer. Apesar desta ser a inspiração da letra cada um pode entende-la à sua forma e não a relacionar com o homicídio, porque na realidade e de uma estranha forma também somos enterrados, presos "i can't get out", todos os dias na nossa realidade. Por mais que olhem nunca irão conseguir ver ou entender o que temos dentro.

Tattered And Torn
Esta é uma das músicas mais angustiantes de toda a carreira do Slip, e fala sobre alguém que se magoa a si próprio, que está muito perto do desespero e que se esconde das coisas ruins.


Liberate
A música representa o Corey em um estado imenso de fúria, como se ele estivesse a tentar proteger e sobreviver. Ele está muito furioso com o que se passa na vida dele, é ele a dizer que se recusa a fazer parte da mentira, da hipocrisia que o circunda, e Corey não precisa de tudo aquilo, que não quer a vida e o medo das pessoas, que se recusa a ser o que seria suposto ele ser, que não está nem aí para o que as pessoas são porque ele nunca será o que elas querem que ele seja.

Prosthetics
Esta música é baseada num filme dos anos 60 chamado 'The Collector', e é sobre um homem que rapta uma garota e "junta-lhe" à sua coleção como se fosse um objeto. Prostethics leva isto mais longe e descreve o que vai na cabeça dele, a vontade de a ter só para ele custe o que custar, fala sobre o medo dele e a confusão, porque ele no fundo sabe que o que está a fazer não é certo. No fim ele acaba por matá-la e transando com o cadáver.

Diluted
No meu ponto de vista, essa música é sobre alguém que é magoada e traída por outros sem parar e não consegue entender porque isso acontece, é como se estivesse num caminho em que só existe dor e por mais que tente não há saída, a pessoa sente-se condenada à tudo à sua volta. Para mim também fala em decepção e sobre nós esperarmos que a pessoa "certa" apareça e isso nunca acontece, todos acabam sempre por decepcioná-la de qualquer forma. Fala em não ter mais esperança, em estar completamente na merda, mas continuar a sonhar com coisas melhores, a continuar a preservar uma certa inocência, estar completamente farta de tudo e de todos sem nunca entender, estar exausta de ver a mesma coisa se repetir infinitamente.


No Life
Esta música, na minha opinião é sobre o que o Corey pensa de si próprio e as dúvidas que ele tem sobre sobre o que ele é, quando ele diz "This is no Kind of life" talvez seja o desejo dele de mudar o que ele é ou o que a vida dele é. Também fala sobre nós só termos nós próprios, devemos lutar por aquilo que queremos e não ficar à espera que ninguém faça as coisas por nós, que temos que deixar o medo para trás e sermos aquilo que somos.

Only One
Esta música era "Mate.Feed.Kill.Repeat" e foi refeita para este álbum, é basicamente uma música sobre brigas, onde a idéia central é a de que somente um sairá vivo.

Scissors
O Joey escreveu a letra, é uma das músicas e letras mais cheias de sentimento de todo o albúm, especialmente no final da música quando o Corey se deixa levar por uma insanidade total que não deixa ninguém indiferente, as letras extras nem o Corey sabe bem quais são. Acho que é uma das letras mais difíceis de explicar porque é muito pessoal e é toda dita com meias palavras. Penso que a 'Scissors' fala de alguém que se auto-mutilava e consome drogas, que está muito perto do suícidio. Descreve o estado dessa pessoa, acho que fala do fascínio que ele tem sobre isso, mas a recusa ao mesmo tempo porque tudo aquilo não lhe está a levar a lugar nenhum e é como se ele também estivesse à espera que algo acontecesse. Talvez ele estivesse à espera da morte ou de ter coragem para se matar. Fala da dependência do Joey por alguma coisa, algo que ele odeia e ama ao mesmo tempo. Por ser muito pessoal penso que ele quando a escreveu, escreveu-a a pensar em alguém porque parece que a letra é dedicada a alguém, talvez alguém que o queria salvar do estado em que ele está.

Get This
É uma música que lembra a banda que o Slipknot é e de onde eles vieram. É uma canção que mostra que eles sempre tocarão o tipo de música que eles gostam, e nunca irão sacrificá-la por nada. É um tapa na cara para todas as outras bandas do mundo, dizendo "Nós somos o Slipknot, nós não ligamos pra ninguém. Isto é o que somos e isto é o que nós fazemos!".

Me Inside
Acho que esta deve ser uma das letras que mais caracterizam o Corey, fala nos problemas mentais que ele tinha quando era criança, em como a vida é difícil, como a vida na verdade é uma morte vivida, fala em como tudo que está à sua volta lhe deixa maluco, como tudo lhe mete um grande nojo.

Eeyore
Para caracterizar essa música, nada melhor do que a própria definiçaõ do Corey: "Eeyore é apenas sobre um cara filho-da-puta de Des Moines, Iowa. Ele tem um longo cabelo loiro e é um filho-da-puta com todos nos shows. Ele ama a nossa banda mas fode com todos nos shows. A música é sobre eu perdendo a cabeça e acertando as contas com ele".

Espero que tenham curtido os significados dessas músicas Maggots, e em breve mais coisas por aqui, então fiquem ligados. STAY (SIC!)

5 de dez de 2010

Shawn "Clown" Crahan quebrando a parede com a cabeça

A qualidade do vídeo é péssima, pareçe ter sido feito com um celular ou algo do tipo, mas pelo pouco que pode-se perceber, no vídeo Shawn Crahan, o conhecido "Clown" pareçe estar quebrando a parede com a cabeça, literalmente... isso é lógico, porém há um 'x' na questão: Clown estaria usando uma proteção na cabeça por baixo da máscara?
Essa é uma pergunta que não podemos desconsiderar, pois ninguém pode garantir que ele estava só de máscara no momento em que quebrou a cabeça na parede ou vice-versa.

Confira abaixo o vídeo dessa loucura: